Homenews - www.homenews.com.br
Meio Ambiente
Segunda - 05 de Abril de 2010 às 12:18

    Imprimir


____________________________________________________________________________________________


Esta semana os consumidores poderão conhecer produtores e produtos certificados como ambientalmente corretos e socialmente justos durante a 4ª Brasil Certificado, feira que o Instituto de Manejo e Certificação Florestal e Agrícola (Imaflora) promove, nos dias 7 a 9, em São Paulo, em parceria com várias entidades ambientais.



A novidade este ano é que estarão expostos produtos variados como móveis, pisos, papel, chocolate, informou o secretário executivo do Imaflora, Luis Fernando Guedes Pinto. “A grande novidade é o varejo”.



Para o consumidor que pretende redecorar sua casa com produtos fabricados de forma sustentável, a 4ª Brasil Certificado é uma grande oportunidade de conhecer os produtos ambientalmente corretos.



Um exemplo é a Tora Brasil, empresa que trabalha com peças artesanais exclusivas, feitas em madeira proveniente de áreas de manejo florestal, como pau santo, ipê, pequiá e muiracatiara. O processo de produção mostra preocupação com a emissão mínima de carbono e redução do gasto de energia elétrica.



O presidente da Tora, agrônomo Cristiano Ribeiro do Valle, disse à Agência Brasil que esse conjunto de fatores faz parte da preocupação com a necessidade de o mundo ser mais harmônico e gostoso de se viver.



Valle explicou que a preocupação com a conscientização ambiental dos proprietários da empresa começou há sete anos, “para conseguir colocar a cabeça no travesseiro e dormir tranquilo”. Ele lamentou apenas que o consumidor brasileiro ainda prefira comprar produtos mais baratos, ainda que sem o selo de certificação de origem ambientalmente correta e socialmente justa. Na Europa, por exemplo, os consumidores são mais exigentes. Ele destacou, porém, que o quadro já começa a mudar no Brasil, tendo nas crianças o elemento propulsor.



Participam desta edição da feira 35 empresas. Está prevista a realização de fóruns de discussão sobre o mercado da certificação no Brasil e no mundo. A ideia é mostrar como é possível transformar matéria-prima oriunda de florestas certificadas em produtos de consumo consciente.



Duas entidades internacionais independentes respondem pela concessão de selos sócioambientais no Brasil. Na área florestal, a certificação é dada pelo Forest Stewardship Council (FSC), ou Conselho de Manejo Florestal. Na área agrícola, o selo está ligado ao sistema da Rede de Agricultura Sustentável (RAS). As duas organizações elaboram as normas de certificação e são responsáveis também pela sua aplicação, de modo a dar credibilidade ao sistema.





Fonte: Agência Brasil

URL Fonte: http://www.homenews.com.br/noticia/3994/visualizar/